Sono da mulher: durma como uma rainha

2020-03-19

Sono da mulher: durma como uma rainha

Os inúmeros desafios e os diferentes papéis sociais que a mulher enfrenta, faz com que, muitas vezes, coloquem o descanso no final da sua lista de prioridades. Neste artigo vamos mostrar as consequências de uma noite mal dormida e dar algumas sugestões para melhorar a qualidade de sono da mulher

 

Os inúmeros desafios e os diferentes papéis sociais que a mulher enfrenta, faz com que, muitas vezes, coloquem o descanso no final da sua lista de prioridades. Neste artigo vamos mostrar as consequências de uma noite mal dormida e dar algumas sugestões para melhorar a qualidade do seu sono.

 

A importância de dormir bem

 

Dormir é muito mais do que fechar os olhos e descansar. É o momento em que o nosso corpo se regenera, organiza e recupera energias. Um adulto entre os 26 e os 64 anos deve dormir entre as sete e as novas horas por noite. Contudo, estima-se que 63% das mulheres, entre os 30 e os 60 anos, durma apenas, em média, seis horas.

 

Quem precisa de dormir mais tempo?

De acordo com várias teses, entre elas uma pesquisa da Universidade de Loughborough, o sono da mulher tem características muito específicas pela forma como as suas conexões cerebrais se processam, porque como são capazes de fazer várias tarefas ao mesmo tempo e se desgastam mais, também necessitam de um maior número de horas de repouso.

 

O cérebro da mulher

A capacidade de conciliarem várias atividades em simultâneo durante o dia é muito mais desgastaste em comparação com o desempenho masculino. Com um cérebro acelerado e com uma atividade em alta rotação, é normal que tenham pensamentos agitados e levem preocupações para a cama. Para que o sono da mulher seja regenerador é importante que durmam mais tempo que os homens.

 

Quanto tempo a mais no colchão?

Admire-se com a resposta. Apesar de ter rotinas mais desgastaste, os especialistas afirmam que o sono da mulher necessita apenas de ter mais 20 minutos de duração. Pode parecer pouco, mas farão certamente toda a diferença.

 

Quais as consequências de noites mal dormidas?

O sono da mulher se for de má qualidade está associado a elevados níveis de stress e ao aumento do sentimento de hostilidade, depressão e raiva. A estrutura neurológica feminina permite destacar certas habilidades de comunicação e intuição, assim como melhor memória. Dormir mal pode afetar todos os comportamentos ligados a estas áreas, para além de as tornar mais sonolentas, menos concentradas e aumentar o apetite.

 

As mulheres têm mais insónias do que os homens. Antes de recorrer a fármacos, talvez queira fazer ajustes à sua vida de modo a conseguir desacelerar da rotina quotidiana.

 

Aqui ficam uns pequenos truques para noites mais tranquilas:

  • Tenha atenção ao que come antes de ir para a cama;
  • Evite o uso de aparelhos eletrónicos;
  • Evite chocolates, café ou refrigerantes;
  • Fique atento à temperatura do quarto.

 

Lembre-se que uma boa noite de sono influencia todo o seu desempenho, mas agora também tem a ciência do seu lado sempre que quiser ficar mais 20 minutos na cama.

 

Deixe o seu comentário!