Enquanto dorme - o que nos acontece quando dormimos

2020-08-18

Enquanto dorme - o que nos acontece quando dormimos

Dormir é essencial para uma boa saúde. Na verdade, precisamos de  dormir para sobreviver - assim como precisamos de comida e água. Portanto, não é de admirar que passemos cerca de um terço de nossas vidas a dormir.

Muitos processos biológicos acontecem durante o sono:

  1. O cérebro armazena novas informações e livra-se de outras;
  2. As células nervosas comunicam e reorganizam-se, o que suporta  funcionamento saudável do cérebro;
  3. O corpo repara as células, restaura energia e liberta moléculas como hormonas e proteínas;

Estes processos são essenciais para nossa saúde. Sem eles, o nosso corpo não consegue funcionar corretamente.

Porque é que dormimos?

Muito ainda se desconhece sobre o propósito do sono. No entanto, é aceite no mundo científico  que não há apenas uma explicação para o porquê de precisarmos dormir. Provavelmente é necessário por várias razões biológicas.

Até ao momento, os cientistas descobriram que o sono ajuda o corpo de várias maneiras. As teorias e razões mais proeminentes são as enumeradas abaixo:

  1. Conservação de energia;
  2. Restauração celular;
  3. Função cerebral;
  4. Bem-estar emocional;
  5. Manutenção de peso:
  6. Imunidade;
  7. Saúde do coração.

Nem todo o sono é igual

O sono é regulado pelo ritmo circadiano, ou relógio corporal localizado no cérebro. O relógio biológico responde à luz, aumentando a produção da hormona melatonina à noite e reduzindo a produção quando sente a presença de luz.

Existem quatro fases do sono que o corpo experiencía em ciclos durante a noite. Numa boa noite, alternamos entre as fases quatro ou cinco vezes.

As fases 1 e 2 são de sono leve. Esta é uma transição de estar acordado para adormecer. Os batimentos cardíacos e a respiração começam a diminuir, a temperatura corporal cai e os músculos podem se contrair. 

A fase 3 é a primeira fase do sono profundo, em que as células produzem a maior parte da hormona de crescimento para os ossos e músculos, permitindo que o corpo recupere. 

A fase 4 é quando começamos a sonhar. O corpo cria substâncias químicas que o paralisam temporariamente, para que os sonhos não sejam representados fisicamente. Nesta fase, o cérebro é extremamente ativo e os olhos, embora fechados, movem-se como se estivéssemos acordados.

 

O estilo de vida moderno, o stress e a proliferação da tecnologia significam que as pessoas dormem muito menos hoje do que há um século atrás.

Portanto, para uma vida mais longa e saudável, não torça o nariz ao sono. 

Se quiser saber mais sobre os hábitos de sono dos portugueses consulte este artigo.

 

Deixe o seu comentário!